BiodiversityBee_AM TempFence_10s_16_9_NO TEXT_updated

video-play-button
video-play-button video-pause-button

Dicas para um jardim amigo das abelhas

O bem-estar das abelhas e outros insetos é muito importante para muitas pessoas. Por isso, tivemos uma discussão aprofundada com o nosso parceiro, Bienenbotschaft (Embaixada da Abelha), e reunimos oito dicas úteis e informações interessantes para implementar no seu jardim, terraço ou até mesmo varanda, para abelhas e insetos.

Importante: ao projetar o seu jardim, não pense apenas nas abelhas, mas em todos os insetos em geral. Afinal, o principal valor desses animais está na polinização, não na produção de mel. 

1. ALIMENTE AS ABELHAS DURANTE TODO O ANO

"Ao escolher plantas para o seu jardim e terraço, use plantas nativas sempre que possível, pois as espécies de abelhas selvagens terão se adaptado às plantas locais", explica Moses, da Bienenbotschaft. Uma espécie selvagem é sempre preferível a uma espécie de planta cultivada. Evite flores duplas — elas parecem bonitas, mas ter tantas pétalas funciona como uma barreira entre abelhas e néctar e pólen, tornando-as praticamente inúteis como alimento. Em vez disso, escolha uma mistura de plantas cultivadas organicamente que floresçam o ano todo e forneçam alimentos aos insetos. As abelhas agradecerão por fornecer um suprimento alimentar tão abundante, especialmente no início e no final do período de vegetação, ou seja, primavera e outono. As plantas abaixo são particularmente adequadas: 

7. NÃO SE ESQUEÇA DAS BEBIDAS

Até os insetos precisam de beber. Pequenas enseadas em pedras grandes ou banhos de pássaros, com uma pedra grande colocada nelas e cheia de água em dias ensolarados, são ótimos lugares para as abelhas virem tomar uma bebida. E os lagos dos jardins também são ótimas fontes de água para muitos animais e insetos, é claro. A propósito, sabia que muitas abelhas selvagens precisam de água não apenas para beber, mas principalmente para construir os seus ninhos? Elas usam a água para “argamassar” as células da ninhada.

8. SEM PESTICIDAS

Aqueles que preferem paisagens de jardins mais naturais tendem a evitar pesticidas e fertilizantes artificiais. Quase sempre existem boas alternativas naturais. O uso de insetos benéficos para combater pragas já foi tentado e testado, e agora esses insetos podem ser encomendados 'online' de maneira fácil e barata. Em caso de dúvida, remover ou aparar plantas doentes, ou infestadas de pragas também é uma alternativa melhor em jardins apícolas.

DICA da HUSQVARNA: Graças a funcionar a bateria, o Automower® não apenas corta a relva silenciosamente e sem emissões diretas, como também o sistema de corte reduz a necessidade de fertilizantes e outros produtos. Recortes de grama com um milímetro de espessura são imediatamente devolvidos ao relvado como fertilizante. O sistema de corte, composto por um disco de corte e pequenas lâminas giratórias, gera quase nenhuma sucção, reduzindo o risco de insetos no chão serem sugados.
Ao combinar diferentes abordagens de jardins apícolas, cada jardineiro pode fazer a sua parte para garantir o bem-estar das nossas preciosas abelhas.

Seja gentil com as abelhas e salve flores com a cerca temporária Automower®

Esses arcos de aço robustos oferecem a solução ideal quando precisa cercar temporariamente uma determinada área do relvado de ser cortada pelo Automower®. Ocasiões como, quando as flores da primavera estão a florescer, ou quando a piscina insuflável de verão das crianças está em uso, ou quando tem um local com relva recém-semeada. Os arcos da cerca são confiáveis e extremamente fáceis de usar — sem necessidade de ajustes na sua instalação ou na programação do corta-relva robótico.

Automower temporary fence